fbpx

Mundo ultrapassa marca de 1,5 milhão de mortes por Covid-19

Dados foram levantados pela Universidade Johns Hopkins

  • separator

O mundo registrou mais de 1,5 milhão de mortes provocadas pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2) desde o início da pandemia nesta quinta-feira (3), segundo levantamento da Universidade Johns Hopkins.
    O boletim também aponta quase 65 milhões de casos confirmados de Covid-19 até hoje.
    Segundo a universidade americana, os países com mais óbitos em todo o mundo são: Estados Unidos (275.256); Brasil (174.515); Índia (138.648); México (107.565), Reino Unido (60.210) e Itália (58.038).
    Já em relação aos contágios, os EUA também lideram o ranking com 14.061.616 pessoas já contaminadas com a Covid-19. Índia (9.534.964), Brasil (6.436.650), Rússia (2.354.934) e França (2.310.089) aparecem na sequência.
    O número recorde foi atingido no momento em que os países correm para aprovar uma vacina eficaz contra a Covid-19. O Reino Unido, um dos países que mais sofreu com o vírus na Europa, ultrapassou a marca de 60 mil mortes enquanto seu governo anunciou o início da vacinação na próxima semana.
    No entanto, apesar da esperança criada por algumas vacinas em desenvolvimento, a pandemia continua a afetar diversos países, inclusive a Itália, que registrou hoje um número recorde de quase mil mortes em 24 horas.

Veja também:

O jovem que trocou seu piano por uma arma e desapareceu na guerra

Ansa - Brasil
  

  • separator

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais