fbpx

Não perca! – Sindicato do RJ apoia edital para Técnico e Analista!

(Acesse Conteúdo completo!) – Sindicato do RJ apoia edital para Técnico e Analista!




O presidente do sindicado do RJ defende um novo concurso
BACEN (Banco Central do Brasil) destinado para três carreiras, sendo técnico, analista e procurador.

Solicitação do concurso BACEN

Com déficit superior a 2.800 servidores, o BACEN deverá encaminhar ainda em maio, o pedido para abrir o concurso BACEN em 2021.

O presidente do Sindicato Nacional dos Funcionários do BC (Sinal) no Rio de Janeiro, apoia a medida. Sérgio Belsito, defende que a solicitação seja feita para as três carreiras da estrutura do banco: Técnico, Analista e Procurador.

“No momento de aperto como o que estamos passando é fundamental a autoridade monetária ter eficiência para incrementar a retomada do desenvolvimento. E para isso precisamos, sim, de gente qualificada. Necessitamos, urgentemente, repor a força de trabalho de todos os cargos da estrutura da carreira”, informou Sérgio Belsito.

É considerado pelo presidente do Sinal no Rio de Janeiro, que seria necessário o BACEN contratar, pelo menos, 300 novos servidores.

“No RJ temos necessidade para todas as áreas, principalmente para o Departamento do Meio Circulante, fiscalização e área de apoio. No momento, não se consegue desenvolver novos projetos para melhorias e faz se o necessário”, salientou o presidente.

É explicado por Belsito, que a falta de pessoal, por exemplo no Departamento do Meio Circulante, fez com que o órgão tivesse dificuldades em atender à demanda originada pelo auxílio-emergencial que está sendo pago pela Caixa Econômica, destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados.

“Com a necessidade de pagamento dos R$ 600,00, tivemos dificuldade de abastecer a rede com papel moeda”, disse Sérgio Belsito.

Necessidade de servidores no BACEN

O BACEN vem sofrendo há vários anos com a saída de servidores em virtude de aposentadoria, o que levou o banco a chegar ao menor efetivo de sua história. Por lei, o órgão pode ter 6.470 servidores, mas esse quantitativo hoje é inferior a 3.600 servidores.

De acordo com Belsito, é possível que ocorram novas baixas em curto espaço de tempo. “Acredito que ainda tenhamos quase 100 servidores em condições de aposentadoria, integral ou proporcional. O tempo de formação de um profissional do BC é de aproximadamente cinco anos. Precisamos retomar esse processo de contratação de servidores imediatamente”.

No ano de 2019, foi encaminhado pelo órgão ao Ministério da Economia um pedido de concurso, mas que acabou sendo negado. O número de vagas e os cargos não foram revelados, mas na solicitação protocolada em 2018, foram pleiteadas 260 vagas.

Desse total, 30 vagas foram para Técnico (nível médio), 30 vagas para Procurador (nível superior em Direito) e 200 vagas para Analista (nível superior). A expectativa é de que o pedido deste ano, seja para os mesmos cargos e que tenha um quantitativo similar.

A carreira de Técnico do BC, tem exigência do ensino médio completo. O salário é de R$ 7.741,31, incluindo o auxílio-alimentação de R$ 458,00. Já o cargo de Analista, exige o nível superior em qualquer área de formação, com remuneração de R$ 19.655,06.

Para ser Procurador do BACEN, é preciso ter bacharelado em Direito e exercício comprovado de dois anos de prática forense. O salário tem o valor de R$ 21.472,49.

(function(d,s,id){var js,fjs=d.getElementsByTagName(s)[0];if(d.getElementById(id))return;js=d.createElement(s);js.id=id;js.src=”https://connect.facebook.net/pt_BR/all.js#xfbml=1″;fjs.parentNode.insertBefore(js,fjs);}(document,’script’,’facebook-jssdk’));

Fonte: Nova Concursos

(Veja agora a notícia com detalhes) – Sindicato do RJ apoia edital para Técnico e Analista!



Baixar apostila para concurso

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!