fbpx

Nassim Taleb: criador de conceitos como Cisne Negro e Antifrágil lida com riscos, probabilidades e incertezas

(David Levenson/Getty Images)
Nome:  Nassim Nicholas Taleb
Ocupação:  Economista e professor emérito na Universidade de Nova York
Local de nascimento:  Amioun, no Líbano
Ano de nascimento:  1960

Quem é Nassim Taleb

“Essa é a maior ilusão da vida: a aleatoriedade é um risco, que é uma coisa ruim.” A frase é uma das muitas que pode sintetizar a obra de Nassim Nicholas Taleb. Nascido em Amioun, no Líbano, em 1960, ele é um dos maiores especialistas no estudo de probabilidades e incertezas, e será um dos palestrantes da Expert XP 2020, entre os dias 14 e 18 de julho.

Filho de um médico oncologista e de uma antropóloga e com origem greco-ortodoxa, Taleb e a família deixaram o país para fugir da Guerra Civil, iniciada em 1975, e foram para a França. Lá, ele se graduou em Economia pela Universidade de Paris, onde mais tarde também obteve o título de PhD.

Taleb ainda tem MBA pela Wharton School, ligada à Universidade da Pensilvânia (EUA), e é considerado um dos 25 graduados mais influentes da instituição.

O economista é autor da coletânea “Incerto”, traduzida para 41 idiomas, e já escreveu mais de 70 artigos sobre estatística matemática, genética, finanças, filosofia e economia em torno da noção de risco e probabilidade.

Com amplo conhecimento em línguas, incluindo aramaico e árabe clássico, Taleb tem entre seus hobbies o interesse por filologia, que é o estudo de documentos antigos, línguas antigas e matemática recreativa.

Carreira

Atualmente, Nassim Taleb é professor emérito de engenharia de risco da Universidade de Nova York e assessora o Universa Investments. Ele se dedica, principalmente, aos estudos das incertezas e ao gerenciamento de riscos, em especial os não lineares.

Depois da graduação na França, Taleb se mudou para os Estados Unidos, onde construiu sua fortuna atuando no mercado financeiro por 21 anos.

Começou atuando na área de derivativos e foi logo no início da carreira, aos 27 anos, que conquistou sua independência financeira, após a crise financeira de 1987. Mas também garantiu ganhos em outros momentos de crise e caos, como o estouro da bolha das empresas de internet, em 2000, e teria sido um dos poucos a prever a crise global intensificada a partir da quebra do Lehman Brothers, em 2008.

Ao longo desses anos, passou por instituições como Credit Suisse First Boston, UBS, BNP Paribas, Indosuez (hoje Calyon), Bankers Trust (agora Deutsche Bank). Também atuou como trader independente.

Foi em 2006, no entanto, que Taleb começou a transição de carreira para atuar como pesquisador e mergulhar em estudos práticos sobre probabilidade, gerenciamento de risco, matemática e filosofia.

Sobre a atual crise, Taleb diz que a nova pandemia de coronavírus era previsível e se mostra irritado quando a classificam de “Cisne Negro”. A previsibilidade está baseada no fato de que, em janeiro, quando a Covid-19 estava mais restrita à China, houve o alerta de que a alta conectividade no mundo levaria a um crescimento não linear do vírus.

Esse alerta, que partiu de dois pesquisadores, não foi ouvido pelos governos, mas esteve no radar de Taleb. Um dos fundos que o tem como principal conselheiro registrou um ganho de mais de 3.000% em março, quando mercados em todo o mundo derretiam.

Conceitos e estratégias de investimento

A base dos conceitos de Taleb está reunida na coletânea “Incerto”, apresentada na biografia oficial do autor como “um ensaio filosófico sobre a incerteza” para ser lido sem ordem específica.

A obra tem cinco volumes: “Iludidos pelo Acaso: A influência da sorte nos mercados e na vida”, “A lógica do Cisne Negro”, “A cama de Procusto: Aforismos filosóficos e práticos”, “Antifrágil: coisas que se beneficiam com o caos” e “Arriscando a própria pele: Assimetrias ocultas no cotidiano”.

Em “Iludidos pelo Acaso”, o autor destaca a aleatoriedade e defende que a relação de causa e efeito é ultra valorizada. Ele argumenta que, embora possa desagradar alguns, nem sempre é possível explicar acontecimentos por essa relação. Para Taleb, é necessário se preparar para eventos inesperados e aproveitar as oportunidades para se fortalecer.

O segundo livro dessa coletânea, e um dos que mais repercutiu, é o que apresenta o conceito de Cisne Negro. O termo se refere a eventos, que podem ser tanto positivos como negativos, com três principais características:

  • imprevisível e raro;
  • compreensível só depois de ocorrido;
  • e com consequências extremas.

O ataque às torres gêmeas em 11 de setembro de 2001 é um dos acontecimentos apontados por Taleb como Cisne Negro. Ao assinalar com cerca de um ano de antecedência a crise de setembro de 2008, considerada por ele outro Cisne Negro, Taleb foi chamado de guru das finanças, termo que rechaça veementemente.

Outro conceito bastante importante na obra de Taleb é o de antifragilidade. O autor defende que o oposto de ser frágil não é ser robusto ou resiliente, mas alguém que supera a incerteza, sem ser destruído por ela. Na visão do autor, o ideal é ser antifrágil, ou seja, aproveitar o caos para evoluir. Dessa forma, a incerteza se torna desejável e necessária. Além da evolução, uma pessoa antifrágil estaria imune a erros de previsão e protegida de eventos adversos.

Em seu livro mais recente, que em português ganhou o título de “Arriscando a própria pele”, Taleb trata da importância de se expor aos riscos em diferentes áreas da vida, embora muitas pessoas, mesmo em posição de destaque, não tenham esse hábito.

Para o autor, para viver em um ambiente de riscos e imprevisibilidade como o mercado financeiro, é preciso se envolver. Nesse caso, o exemplo se daria por gestores que podem investir ou não recursos próprios no produto administrado.

Uma das estratégias de investimento desenvolvidas por Taleb foi a de Halter, também conhecida por Barbell. Nela, o profissional defende que o investidor mantenha-se livre da possibilidade de quebrar totalmente, montando uma carteira com 60% a 90% em aplicações de baixo risco e uma parcela de 10% a 30% em investimentos de altíssimo risco, sem perder tempo com aplicações de médio risco.

Com essa estratégia, se ocorrerem perdas, elas seriam limitadas a no máximo 30% do capital. Por outro lado, investimentos ultra agressivos teriam potencial de ganho ilimitado, com um retorno exponencial em caso de sucesso.

Para saber mais

Quer saber mais sobre a vida e obra de Nassim Taleb? Não perca sua palestra durante a Expert XP 2020 – o maior evento sobre investimentos do Brasil, 100% digital e gratuito, entre os dias 14 e 18 de julho.

Confira abaixo a seleção do InfoMoney com mais referências sobre Taleb:

Livros:

  • “Iludidos pelo Acaso: A influência da sorte nos mercados e na vida”
  • “A lógica do Cisne Negro”
  • “A cama de Procusto: Aforismos filosóficos e práticos”
  • “Antifrágil: coisas que se beneficiam com o caos”
  • “Arriscando a própria pele: Assimetrias ocultas no cotidiano”.

Vídeos:

Fonte: Infomoney

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!