fbpx

Negação de proposições compostas para a PCDF

A prova da PCDF para o cargo de Agente se aproxima e a essa altura do campeonato você já deve estar completando o edital, não? Hoje eu trago aqui para vocês um tema muito relevante quando se fala de raciocínio lógico para concursos, principalmente para o CESPE. Trata-se da negação de proposições compostas. Vamos começar?

Negação da conjunção –> começando pela mais fácil, qual seria a negação da conjunção? A conjunção você já sabe que é aquele operador lógico equivalente ao “E”. Vamos dar um exemplo:

Pedro vai ao clube E Ronaldo vai estudar

Qual seria a negação da proposição acima? Ora, a negação da conjunção é obtida a partir de uma disjunção em que se negam também as duas proposições simples que a compõe. Assim, a negação seria dada por:

Pedro não vai ao clube OU Ronaldo não vai estudar

Da mesma forma, a negação da disjunção é obtida a partir de uma conjunção em que se negam também as duas proposições simples que a compõe. Como você sabe a disjunção é caracterizada pelo operador “OU”. Veja a disjunção abaixo:

Alice foi passear OU Pedro saiu com o carro

Como fica a negação da proposição composta acima? Veja comigo:

Alice não foi passear E Pedro não saiu com o carro

Perceba que não só trocamos o operador lógico como também negamos as duas proposições simples. Avançando no nosso conteúdo, como fica a negação de uma condicional?

A negação de uma condicional é obtida pela conjunção entre a primeira proposição simples com a negação da segunda. Como assim, professor? Vejamos um exemplo:

Se vou para a aula então fico com sono

Como obter a negação da proposição acima? Basta fazer a conjunção da primeira proposição (vou para a aula) com a negação da segunda (não fico com sono). Em outras palavras, a negação é dada por:

Vou para a aula E não fico com sono

Por fim, vejamos o caso da bicondicional. Na bicondicional estamos afirmando duas coisas simultâneas, ou seja, ao mesmo tempo. É como se a bicondicional funcionasse nos dois sentidos. Por exemplo:

Vou correr se e somente se meu joelho não doer.

A pessoa que afirma isso diz duas coisas ao mesmo tempo: 1) vou correr se meu joelho não estive doendo; 2) se meu joelho não estiver doendo vou correr. Perceba que são dois sentidos simultâneos.

E como obter a negação da condicional? Para isso vamos usar a disjunção exclusiva. Ela serve para dizer que as ações não ocorrem simultaneamente, ou seja, ou uma ocorre ou outra ocorre. Assim, a negação da bicondicional anterior seria:

Ou corro Ou meu joelho não dói

Perceba que tivemos que fazer algumas adaptações nos tempos verbais para possibilitar a negação. Mas acostume-se, isso faz parte da lógica de proposições e o CESPE adora brincar com isso ok?

Não deixe de conferir nossos cursos para a prova de agente da PCDF clicando aqui e aqui.

Até o próximo post!

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!