fbpx

Nelson Teich pede demissão com menos de um mês no ministério

Divergências do ministro com o presidente Jair Bolsonaro teria sido o motivo da saída do substituto de Nelson Mandetta

  • separator

O ministro da Saúde, Nelson Teich, pediu exoneração do cargo que ocupava desde 16 de abril após a demissão de Luiz Henrique Mandetta. Segundo fontes próximas ao governo, o motivo da saída de Teich do ministério teriam sido divergências dele com o presidente Jair Bolsonaro sobre o uso da cloroquina para pacientes contaminados pelo coronavírus e a flexibilização de medidas de isolamentos social.

O ministro da Saúde, Nelson Teich, participa de coletiva de imprensa no Palácio do Planalto. 16/04/2020. REUTERS/Adriano Machado.

O ministro da Saúde, Nelson Teich, participa de coletiva de imprensa no Palácio do Planalto. 16/04/2020. REUTERS/Adriano Machado.

Foto: Reuters

De acordo com a assessoria de comunicação do Planalto, haverá uma coletiva de imprensa ainda na tarde desta sexta-feira (15) para mais detalhes sobre a saída de Teich da pasta.

Quando empossado, Teich prometeu não fazer mudanças radicais na política adotada durante a gestão de Mandetta, disse que tomaria decisões com base em critérios técnicos e que haveria um alinhamento completo entre ele e o presidente da República.

Veja também:

Coronavírus: casa de repouso na Holanda reúne moradores com familiares em cabines de vidro

  • separator

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!