fbpx

Ninjas in Pyjamas vence FaZe Clan e é campeã do Six Major LATAM

O cenário latino-americano de Rainbow Six Siege tem um novo campeão. Neste domingo (9), depois de uma campanha irretocável, a Ninjas in Pyjamas venceu a FaZe Clan por 3 mapas a 0 e conquistou o título do Six Major LATAM. O torneio reuniu os quatro melhores times do Brasil na atualidade e distribuiu uma premiação total de mais de meio milhão de reais.

Foto: Divulgação

Foto: Lance!

Vale lembrar que a competição foi disputada de forma online para garantir a saúde e o bem-estar de equipes, torcedores e parceiros, devido à pandemia de COVID-19. O público pôde acompanhar todas as partidas do campeonato nos canais oficiais do Rainbow Six Esports Brasil na Twitch e no YouTube.

Com o triunfo no Six Major LATAM, os Ninjas faturaram US$50 mil (cerca de R$270 mil na cotação atual) e se estabeleceram como grande potência do país na modalidade. O título coroa uma temporada que já havia começado de maneira muito positiva após a campanha histórica no Six Invitational 2020, que rendeu a segunda posição para os brasileiros.

Após a vitória sobre a FaZe na decisão, o líder da NiP, Gustavo “Psycho” comemorou o desempenho no Major e o atual momento do time: “Desde que a line-up foi montada, tivemos algumas dificuldades, principalmente nas últimas edições da Pro League. Mas temos evoluído muito, no Invitational ‘batemos na trave’, e sei que somos uma equipe com muito potencial. No futuro ainda vamos trazer um título mundial para o Brasil”.

E a conquista deste fim de semana veio após um desempenho de alto nível. Nas semifinais, os Ninjas derrotaram a Team Liquid por 2 a 1 em confronto com muita emoção e equilíbrio. Na final da chave dos vencedores, a equipe – comandada por outra grande atuação de Murilo “muzi” – deu uma prévia do que seria a decisão do campeonato ao vencer a FaZe por 2 a 0, sem grandes dificuldades.

No jogo que encerrou o Major, a NiP entrou em ação com a vantagem de um mapa após sair vitoriosa na Upper Bracket. Apesar da confiança adquirida depois de derrotar a Team Liquid no sábado (8), em clássico válido pela Lower Bracket, a FaZe Clan não foi párea para a rival. No mapa Litoral, o time de Ronaldo “ion” começou melhor, mas caiu de rendimento e viu os Ninjas abrirem 5 a 2 no placar. A FaZe até correu atrás do prejuízo, mas, no ponto decisivo, viu muzi brilhar diante do experiente Rafael “mav” e garantir a vitória por 7 a 5.

Já no mapa Oregon, a Ninjas in Pyjamas mostrou solidez na defesa e fez 5 a 1 rapidamente. Em desvantagem, a FaZe elevou o nível com ótimas jogadas de Leonardo “Astro”, mas se deparou com outra tarde inspirada de muzi. O atleta eliminou três adversários no 11º round e confirmou a vitória por 7 a 4 no mapa e por 3 a 0 na série.

Psycho afirma que o grande mérito do time na final foi a estratégia bem definida pré-jogo: “Foi algo estudado, sem dúvidas. Sabíamos que no mapa Litoral eles estavam mal, pois perderam para Liquid e Team oNe neste Major, então já que eles não conseguiriam banir ele, nos preparamos bastante para vir forte logo no início. A escolha da FaZe nos surpreendeu um pouco, porque achávamos que o pick seria Mansão, por ser um dos mapas mais fortes deles. No fim das contas, jogar no mapa Oregon foi bom para nós”.

Do outro lado, a FaZe encerra o torneio de cabeça erguida. O time chegou à decisão mesmo após se classificar para o Major com a pior campanha no BR6 entre os quatro participantes. Nas semifinais, enfrentou o jovem e promissor elenco da Team oNe em um duelo épico. Após alternar vitórias nos dois primeiros mapas, o jogo foi decidido nos últimos segundos do terceiro em uma prorrogação eletrizante.

No dia seguinte, a FaZe teve dificuldades contra a NiP e foi obrigada a disputar a repescagem para se garantir na decisão em outro jogo de alto nível, desta vez contra a Team Liquid. Depois das vitórias da FaZe no mapa Clube e da Cavalaria no Litoral, a classificação de Astro e companhia novamente só se confirmou nos momentos finais da prorrogação, no mapa Oregon.

Liquid e Team oNe, por sua vez, estiveram abaixo do esperado. As duas entraram no Major com as melhores campanhas do Brasileirão, mas ficaram com a terceira e a quarta posições, respectivamente, no campeonato regional. Os Golden Boys até chegaram perto de superar a FaZe na sexta-feira (7) e avançar na competição, mas acabaram derrotados. No primeiro jogo da chave de perdedores, no entanto, não foram páreos para a Liquid, que mostrou sua força no primeiro dia do torneio, mas foi eliminada pela FaZe, nos detalhes, no sábado.

Agora, Ninjas in Pyjamas, FaZe Clan, Team Liquid, Team oNe e as outras seis melhores equipes do cenário nacional de R6 retornam no mês de setembro para a disputa do segundo turno do Brasileirão Rainbow Six Siege 2020. A competição está em sua quarta edição e conta com a premiação total de R$500 mil, a maior de sua história.

Veja também:

Editor do L! analisa os destaques da rodada de fim de semana

Lance!

  • separator

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!