fbpx

Número de concursandos cresce 40% na pandemia

Foto: Divulgação

Seja pelo alto número de demissões que vêm ocorrendo em função da crise provocada pelo novo coronavírus, seja porque a quarentena possibilita mais tempo para estudar, o fato é que mais pessoas têm visto os concursos públicos como um caminho para conquistar um espaço no mercado de trabalho. Desde março, início da pandemia no país, cresceu em 40% o número de pessoas interessadas nas seleções, de acordo com pesquisa da Associação Brasileira de Concursos Públicos (ABCP). Nos cursos preparatórios a modalidade online e as consultorias ganharam  mais força.

O diretor de comunicação da ABCP, Eduardo Ferreira, explica que existe uma forte demanda por concursos e que os editais continuam saindo, porém a data de muitas provas está condicionada ao fim da pandemia. Ele comenta que o aumento das inscrições tem muito a ver com a instabilidade econômica do país e o alto número de demissões que faz com que as pessoas busquem um ambiente mais seguro. Isso em conjunto com a quarentena que possibilita que o concursando tenha mais tempo para estudar. 

Tempo de estudar

Exemplo de quem está aproveitando o período da quarentena para se preparar para os concursos é a estudante de nutrição Adrianne Gonze. Ela conta que o curso presencial que fazia para se preparar passou a ter aulas online e que busca ser aprovada em um destes concursos: Espcex (Escola Preparatória de Cadetes do Exército), ESA (Escola de Sargentos das Armas) e AFA (Academia da Força Aérea).

“Com a quarentena estou tendo mais tempo para estudar ainda que gaste um tempo considerável com os afazeres de casa. Prefiro a aula presencial, pelo contato direto com os professores, mas o sistema online tem funcionado e me ajuda a continuar estudando”, conta Adrianne sobre como tem sido sua experiência de preparação com a pandemia.

Quem também está se preparando é a estudante de administração Tássia Ramos. Visando ao concurso da Polícia Militar, ela fala que começou a estudar e se preparar para a prova neste momento de quarentena.

“Estou terminando a graduação e já estava planejando fazer concurso, então aproveitei essa situação da pandemia para começar a me preparar e me inscrevi num curso com aulas online. Fiquei um pouco preocupada com os adiamentos de alguns concursos, mas decidi focar em me preparar”, fala Tássia.

O diretor de comunicação da ABCP aponta que nesse cenário os grandes cursos que oferecem o modelo de aulas online saem na frente para atender à demanda dos que estão estudando. “Os cursos que são especializados em online saem com grande vantagem nessa situação. Especialmente os grandes cursos que já são adeptos da modalidade vão poder conseguir lucrar diante da situação”, afirma ele.

Para a Acerte Concursos, a pandemia de Covid-19 foi um momento de tomar decisões rápidas. Com a suspensão das aulas presenciais, foram criadas turmas no sistema online para atender os alunos das aulas presenciais. Além disso, a empresa fez maratona de simulados, aulas gratuitas no Instagram e passou a investir mais no modelo de consultorias individuais.

O diretor pedagógico do Acerte, Alan Vinicius Dantas, conta que houve um crescimento de 50% nas consultorias. A modalidade busca ensinar diferentes técnicas de como estudar, especialmente para quem está se preparando sozinho.

“Muita gente ficou desempregada e passou a mirar na carreira pública agora que estão com mais tempo livre. Muitas dessas pessoas estão tentando estudar em casa de maneira independente e busca essa orientação”, fala Alan Vinicius

Já no caso da Casa dos Concursos, a pandemia gerou grandes dificuldades. O sócio-diretor comercial, Jeziel Dórea, comenta que, pelo fado de o curso ser direcionado para aulas presenciais, foi necessário suspender atividades e demitir funcionários. Ele conta que a equipe já está trabalhando na construção de um sistema EAD e que tem expectativas positivas para o futuro.

“Estamos nos preparando porque acredito que, quando os concursos voltarem, vai ser algo de vez, de forma muito intensa, e queremos estar prontos e que os nossos alunos estejam prontos”, fala Jeziel. Ele também ressalta que, mesmo a pandemia sendo um momento de dificuldade, os estudantes podem se atualizar e preparar para os concursos.

Para Waldir Santos, professor de métodos de ensino para concursos e colunista de A TARDE, é preciso que os concursandos fiquem atentos e acompanhem o calendário de concursos. “Muita gente está achando que não está tendo concurso, mas está sim. Os concursos acontecem porque existe uma demanda e os órgãos não combinam datas, não são um fenômeno em bloco. Então tem concurso que está acontecendo agora, especialmente os concursos municipais. É um momento favorável para quem está atento”. (A Tarde)

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais