fbpx

O malandro gente boa Leleco está de volta e Marcos Caruso relembra o personagem de “Avenida Brasil” – Notas – Glamurama

Leleco || Créditos: TV Globo

Como esquecer Leleco, interpretado por Marcos Caruso, em “Avenida Brasil”, que volta à Globo no dia 7 de outubro, no Vale a Pena Ver de Novo? O ilustre morador do Divino de ‘Avenida Brasil’, pai de Tufão (Murilo Benício), vivia na boa com sua regata, cordão e óculos escuros na cabeça pelo bairro fictício do Divino, no Rio de Janeiro. Na novela, o personagem conquistou a jovem Tessália (Débora Nascimento), depois do fim de seu casamento com Muricy (Eliane Giardini). Abaixo, uma entrevista com Marcos Caruso, que relembra um dos pontos altos de sua carreira.

Como você recebeu a notícia da volta da novela? O que muda sete anos depois de ‘Avenida Brasil’ ter sido exibida?

O público pede há anos este retorno. A união de qualidades deste trabalho é uma satisfação para quem viu e para quem fez. Sete anos nos tempos de hoje parecem 70, tal a velocidade das transformações. Mas um clássico é atemporal. Acredito que o olhar do público atualize a obra.

As pessoas ainda comentam sobre o Leleco? O que fez dele um personagem tão querido?

Estou em Lisboa, com um espetáculo, e sou abordado a cada minuto pelo público. A novela, dentro e fora do Brasil, atingiu êxitos impressionantes. Leleco é solar. Tem humor. Representa bem uma grande parcela reconhecível do povo brasileiro. Mas, sem dúvida, o mérito sempre se inicia com o autor. João Emanuel Carneiro construiu personagens emblemáticos nesse trabalho. Meu mais sincero obrigado.

Qual a sua cena mais marcante? O que este personagem mudou na sua vida?

Entre todas que amei fazer, gosto da briga com o Darkson (José Loreto) e da cena da jabuticaba com Eliane Giardini. Me deu mais autoestima quando já estava entrando na terceira idade.

Qual ingrediente fez da novela um fenômeno?

A brilhante mão, a inteligência e o coração de João Emanuel Carneiro. A escalação do elenco não foi óbvia, outro acerto. E a direção da intuitiva e brilhante Amora Mautner, com o preciso e sofisticado José Villamarim foram a base e a cereja do bolo.

(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src = “http://connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.4&appId=1409357522615229”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Fonte: Glamurama

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!