fbpx

Os próximos passos de Faber e Randamie

Há alguns meses venho enfatizando neste blog que a disputa mais acirrada no MMA na atualidade não é entre estilos (strikers e grapplers), nações (Brasil e Estados Unidos) nem modalidades (wrestling x jiu-jítsu). Com o “envelhecimento” natural do esporte tem sido cada vez mais frequente, o confronto entre atletas próximos da aposentadoria e novatos, que começam a se destacar, como vimos nas duas lutas principais do UFC no último sábado.

E são estes combates que, normalmente confrontam a força e explosão dos mais novos e a experiência e inteligência tática dos mais velhos, que têm chamado cada vez mais a atenção dos fãs, principalmente pelo impressionante equilíbrio no placar.

Até o UFC 237, os novatos vinham vencendo por 5×4, até que no UFC Estocolmo, Léo Santos empatou (5×5) ao nocautear Stevie Ray, e na mesma noite, Aleksandar Rakic (nocauteou Jimi Manuwa) marcando 6×5 para os “Leões Novos”.

O empate (6×6) ocorreu duas semanas depois com a vitória do veteraníssimo Demian Maia sobre Tony Martin. Mas na seqüência, no UFC 239, Arnold Allen cenceu Gilbert Melendez na decisão, voltando a colocar a nova geração na dianteira: 7×6.

Até que, no último sábado, os coroas viraram o jogo novamente com os belos nocautes de Urijah Faber e Germaine De Randamie: 8×7. O detalhe curioso é que cinco das sete vitórias dos novatos vieram por decisão e sete das oito vitórias dos veteranos aconteceram por nocaute ou finalização. Afinal de contas, não eram os mais velhos mais táticos e cerebrais e os mais novos mais explosivos e nocauteadores? Exatamente aí que está o grande charme do MMA, a imprevisibilidade.

E se até o meio do ano o placar já se alternou várias vezes, imagine as emoções que estão reservadas para os próximos seis meses. Basta uma rápida olhada nos cards das próximas semanas para reconhecermos alguns clássicos que prometem movimentar o nosso placar: Edgar (37) x Holloway (27);  Yoel Romero (42) x Paulo Borrachinha (28); Massaranduba (40) x Alexander Hernandez (26), Raphael Assunção (36) x Cory Sandhagen (27).


Fonte: UFC

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!