fbpx

Pagodeiros lamentam a morte do baterista Rick Lobisomem

Na madrugada desta terça-feira (06), Belo usou seu perfil no Instagram para lamentar a morte do baterista e amigo Rick Lobisomem. O instrumentista foi um dos principais nomes no mundo do samba e gravou com vários artistas do gênero. Em sua postagem, o cantor não comenta a causa da morte, mas lamenta a falta que ele fará no meio musical.

“Adeus, Amigo!

Eu discordo quando dizem que não há pessoas insubstituíveis. O talento, carisma, genialidade e, especialmente, a generosidade de Rick Lobisomem é a prova disso. O insubstituível por obra divina encontrou o inevitável. Meu amigo irmão nos pregou uma peça e foi ali ser generoso em outro plano, foi agradecer ao próprio Pai seu talento. Partiu para nos deixar aqui com saudade.

E por falar em saudade que já me aperta o peito, te respeito e te amo tanto que não vou chorar, não muito, prometo tentar. As minhas memórias, peço a elas que só me levem para o seu sorriso escancarado, teu balanço inventado por pura genialidade e teu swing tão único.

Na descoberta que música é silêncio e som entre um balanço e outro ele dizia tudo. A cada batida uma benção, a cada canção uma oração, sua igreja…a bateria. Do Birus bar aos dias de hoje, do nada ao tudo do meu agora eterno e melhor baterista de todos os tempos! O rei do Swing, tua obra assim como você jamais morrerão, teu legado estará para sempre, em cada coração que bater, porque bateria e você são isso e um só. Alma e coração…

Veja+: Belo ganha beijo apaixonado em premiação

E de minha parte só me resta agradecer a Deus pela possibilidade de por mais de trinta anos te chamar de amigo. Que DEUS te receba de braços abertos e nos console por aqui, meu irmão. Te amarei pra todo sempre seu legado está feito e será ETERNO! Descanse em paz”!, escreveu Belo junto com um vídeo agradece a oportunidade de ter participado de mais um trabalho do pagodeiro.

Adeus ao amigo

Outra personalidade do samba lamentou a morte de Rick. Leandro Lehart também escreveu para dizer da tristeza de perder o amigo

“Que dor que tô sentindo meu Deus. Você participou da minha vida musical em tudo. Foi meu conselheiro, meu herói, meu ídolo, meu pai musical. Come se fosse uma despedida você gravou o “batuque de magia”, o nosso reencontro que eu imaginava que duraria por tanto anos. Deus levou o meu irmão e um dos maiores músicos que eu já vi nessa vida, o maior baterista de samba de todos os tempos. Meu coração vai contigo, Deus sabe o que faz. Te amo pra sempre Ricardo Eli Baldino, Rick Lobisomem batera. Descanse em paz, sua vida musical nunca será esquecida se depender de mim e de tanta gente que te admira. O Céu agora tem swing”, escreveu.

Veja+: Leandro Lehart ficou internado em função do Covid-19

Fonte: O Fuxico

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais