fbpx

Pessoas que usam emojis transam mais, diz pesquisa

Usar emojis é uma prática cada vez mais comum na hora de se comunicar. Entretanto, de acordo com uma pesquisa publicada pelo periódico PLoS ONE, as “carinhas” que usamos em conversas são mais do que recursos linguísticos. Segundo especialistas, quem coloca emoticons em mensagens tende a transar mais, e ter sucesso em encontros amorosos.

As Good As Possible (Shutterstock)

Foto: Getty Images / Minha Vida

Isso acontece porque os adeptos do emoji costumam ser pessoas mais afetivas, que possuem uma maior expressividade emocional e facilidade para se abrir. Além disso, utilizar as figuras foi visto como um sinal de que o indivíduo tem facilidade em construir intimidade.

Todos esses fatores aumentam a probabilidade da pessoa ter uma vida afetiva e sexual ativa.

Emojis: por que usamos?

Para chegar a esses resultados, os pesquisadores do Instituto Kinsey conduziram dois experimentos. No primeiro, eles analisaram dados de 5,327 americanos solteiros. Os participantes tinham entre 18 e 94 anos, e a maioria deles (87%) eram heterossexuais.

Eles responderam um questionário sobre em que situações usavam os emojis, e quais eram os motivos. Também foram solicitados relatos sobre a vida sexual e amorosa de cada participante.

39% deles afirmaram que nunca usavam emoticons com potenciais “crushes”. 29% disseram que dificilmente utilizavam o recurso, e apenas 3% usavam ao menos um em cada mensagem.

Os motivos mais comuns relatados por quem fazia uso frequente dos emojis foram a facilidade de expressar sentimentos, comunicação rápida e por que está na moda. Ao comparar os dados dos participantes, os pesquisadores descobriram que as pessoas que mais utilizavam as “carinhas” eram as que mais transavam e iam a encontros amorosos.

O segundo experimento utilizou as mesmas métricas do primeiro, mas foi feito online. A única diferença nos resultados foram que, pela internet, 97% dos participantes afirmaram usar emojis para se comunicar.

Entretanto, assim como o experimento anterior, a análise das respostas também levou os pesquisadores a concluírem que o uso das figurinhas estava relacionado a uma vida sexual ativa.

O próximo passo da pesquisa é descobrir se a escolha do emoji tem influência na vida sexual das pessoas, e como nosso cérebro reage emocionalmente a um emoticon.

Falta de sexo: quando é um problema?

Se você usa emojis (ou não) e está transando pouco, é importante investigar os motivos. Apesar do sexo não ser a nossa única fonte de prazer, é saudável que nós nos sintamos confortáveis nessa área.

Os motivos para estarmos transando pouco podem variar, e entre eles, estão:

  • Baixa líbido
  • Baixa autoestima
  • Alterações hormonais.

Entenda outras razões para sua vida sexual ser menos ativa, e quando o assunto deve se tornar uma preocupação.

Como ter prazer no sexo

6 formas de transar melhor e ter mais prazer

Massagem tântrica: o que é, como é feita, depoimentos e vídeo

Pompoarismo: o que é, como praticar e benefícios

Minha Vida

  • separator

Fonte: PORTAL TERRA – VIDA E ESTILO

Jornais Virtuais