fbpx

Por privacidade, Android 11 vai limitar uso de apps de câmeras de terceiros

Segundo o Google, aplicativos que oferecem essa ferramenta tem acesso não só às imagens, mas a geolocalização do usuário e podem ser ameaça à privacidade

  • separator

Prestes a ser lançado, o Android 11 ainda passa por modificações e a última atualização do Google no sistema operacional diz respeito ao uso de câmeras. Na nova versão, alguns aplicativos que usam a câmera não poderão utilizar os próprios recursos e terão que funcionar com a câmera padrão do celular. A mudança é para evitar fraudes e possíveis roubos de dados por aplicativos suspeitos.

A atualização não vai atingir aplicativos como Instagram, Twitter e Facebook, que usam configurações de câmera, mas apps como o OpenCamera, que regula funções de fotografia como cores, estabilizador de imagem e resolução de fotos, não vão abrir automaticamente em algumas plataformas.

“[Nós] acreditamos que é a escolha certa para proteger a privacidade e a segurança de nossos usuários”, afirmou a equipe de engenharia do Android em 17 de agosto.

A decisão foi tomada porque, segundo o Google, os aplicativos de câmera não tem acesso apenas às imagens, mas também à outros dados como geolocalização, e podem ser portas para roubo de dados de usuários.

Veja também:

Veja como funciona a Bixby, assistente de voz da Samsung

Estadão

  • separator

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!