fbpx

Pós-pandemia: Espaços de coworking seriam benéficos para estudantes?

Muitas vezes vemos como os avanços tecnológicos são implementados nas escolas e faculdades. Já falamos por aqui sobre inteligência artificial e gamificação, cada vez mais em alta em instituições de ensino para auxiliar estudantes e professores.

Com a pandemia, então, essa discussão tende a se acentuar, uma vez que o distanciamento entre pessoas é necessário. Assim, surgem ideia para renovar os conceitos educacionais.

Será que a maneira tradicional de estudar estaria à prova? As salas de aula como conhecemos devem passar por mudanças?

Há especialistas que debatem a tendência crescente dos espaços de coworking, que consistem em salas amplas para receber grupos – geralmente de profissionais – para reuniões, apresentações. Ou então de pessoas sozinhas que desejam um local tranquilo e com internet para montar seus projetos.

Por que não daria certo, então, o coworking voltado para espaço acadêmica? Destinados a pequenos grupos de estudantes? Poderia ser algo a se pensar para aqueles que já estão na graduação ou de cursos preparatórios para concursos, vestibulares, provas diversas.

Mas será que essa abordagem pode trazer benefícios semelhantes para os alunos?

Reimaginando a educação

Em um processo educacional típico, um professor tem o currículo programático para seguir. No Brasil, o Plano Nacional de Educação (PNE) determina diretrizes, metas e estratégias para a política educacional no período de 2014 a 2024.

O educador está em sala de aula para ensinar lições, fazer perguntas, pedir trabalhos e aplicar provas. Os alunos estão ali como receptores. Tudo isso ocorre dentro de salas de aula, as quais envolvem uma didática estática.

É assim que as coisas sempre foram. Então, por que mudá-las agora?

Bos, acontece que trabalhar em um ambiente mais colaborativo pode representar uma melhor experiência educacional, não apenas para os alunos, mas também para os professores. A ideia de ampliar as possibilidades pode animar após uma pandemia como essa que vivenciamos.

Benefícios de “co-estudar”

O que um coworking pode proporcionar de benefícios para estudantes? 

Por exemplo, alguns alunos acharão muito agradável estudar em um ambiente dinâmico, onde seus colegas os pressionam a trabalhar mais e melhor.

Além da interação entre os alunos de forma mais leve, pois não estarão sob a visão de um sistema fechado de educação, os ambientes de coworking podem ajudá-los a experimentar o treinamento prático do que ocorre no mundo profissional atualmente.

Fora que nos espaços de coworking há diversos recursos à sua disposição, como o wifi gratuito e salas de convivência. Pode proporcionar uma vivência única para quem esperava somente aprender conteúdos específicos para determinadas metas, como concursos, vestibulares, ENEM, etc.

Estudantes em coworking, sendo assim, poderão enriquecer sua experiência antes mesmo de vivenciar o universo corporativo de fato. Ou seja, serão profissionais diferenciados.

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!