fbpx

Quer viver muito tempo? A alimentação te ajuda de 4 maneiras

Alimentação te ajuda a viver mais e melhor de 4 maneiras diferentes

Foto: Shutterstock / Sport Life

Não há dúvidas de que a boa alimentação é uma das principais aliadas para manter a longevidade, o bem-estar e para ter uma melhor qualidade de vida, é a alimentação saudável.

Alimentar-se bem é sinônimo de manter o bom funcionamento do corpo. Segundo Cyntia Maureen, nutricionista da Superbom, um cardápio balanceado ajuda o sistema imunológico, melhora o humor e a memória, reduz o cansaço e o estresse, melhora a qualidade do sono, previne o envelhecimento precoce da pele e de todas as células, melhora o sistema digestivo e fornece disposição e mais energia para as atividades diárias.

Uma dieta a base de carboidratos complexos, proteínas, gorduras saudáveis, fibras, vitaminas, minerais e boa ingestão de água é essencial para manter o sistema imunológico funcionando bem. Pensando nisso, a especialista separou alguns benefícios que a refeição balanceada, rica em alimentos naturais, é capaz de promover.

1. Previne contra o câncer

Segundo estimativas do Instituto Nacional do Câncer (INCA), praticar atividades físicas, evitar bebidas alcoólicas e manter o peso adequado são ações simples capazes de evitar 28% de todos os casos de câncer. “Uma dieta com base em alimentos vegetais e reduzida de açúcares e sal demonstra grandes benefícios em relação a prevenção contra o câncer. Além disso, abusar das verduras, legumes, frutas e cereais integrais, por serem ricos em antioxidantes, auxilia a defesa do corpo a destruir agentes cancerígenos, podendo ajudar a reverter estágios iniciais de câncer”, afirma.

2. Ajuda contra as doenças cardiovasculares

Essa enfermidade está ligada ao consumo excessivo de gorduras, pois ela eleva o nível de colesterol no organismo. “Neste caso o ideal se alimentar de fibras que impedem o depósito de gordura nas artérias, como por exemplo, as presentes nas proteínas vegetais, aveia e outros cereais integrais, sementes e oleaginosas”, explica.

3. Combate a Obesidade

De acordo com números da ONU, a obesidade contribui para quatro milhões de mortes todos os anos. Nestes casos os vilões são os alimentos industrializados, de baixo valor nutricional, ricos em gordura saturada e carboidratos simples. “Toda reeducação alimentar leva um tempo, mas precisa ser feita aos poucos. Substituir o refrigerante pelo suco natural, as frituras por assados, e ingerir mais vegetais e frutas ao dia pode ajudar a ter uma refeição mais saudável sem perder o sabor”, comenta Maureen.

4. Aumenta a imunidade

Os trilhões de micro-organismos que vivem dentro do corpo são, cada vez mais, reconhecidos como cruciais para a saúde em geral: não só ajudam a digerir os alimentos, mas também produzem nutrientes e fortalecem o sistema imunológico. “Uma alimentação isenta de alimentos cárneos contribui para manter nossa flora intestinal em melhor funcionamento e colabora para que os micro-organismos trabalhem com mais eficácia”, pontua a consultora.

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais