fbpx

recurso chega para versão beta do app no Android

O WhatsApp começou a liberar na noite de terça-feira, 21, o modo escuro para os usuários do aplicativo mensageiro. Nessa primeira fase, a opção está disponível apenas para usuários do Android, que estejam cadastrados na versão beta.

O modo de visualização, que substitui o fundo claro do WhatsApp por tons escuros, era aguardado por inúmeros usuários da rede social. No entanto, a opção não é exatamente uma novidade no mundo dos aplicativos e pode ser encontrada no Instagram, Twitter, Messenger e YouTube – no Android e iOS. Já o Facebook segue testando o recurso.

Quem quiser conhecer o modo escuro, precisa ter instalado no celular o WhatsApp Beta, exatamente na versão 2.20.13 – para quem já tem o aplicativo, ele pode ser atualizado diretamente na Google Play Store. Para ativar a opção, basta: 1. ir em Configurações, 2. selecionar a opção Conversas e abrir a área de Temas e 3. selecionar o Modo escuro.

O beta é uma versão de testes, que permite receber e avaliar com antecedência os novos recursos que chegam na plataforma. Por já ter atingido o número limite de usuários, ela não está mais disponível para download na Google Play Store.

Para o iOS, ainda não há uma previsão de quando o modo escuro estará disponível na versão beta – notícia que animou os usuários do Android, já que geralmente são os smartphones da Apple que recebem as novidades em primeira mão.

Ainda não há um prazo de quando o recurso irá chegar na versão tradicional do aplicativo, tanto para Android quanto para o iOS.

Modo escuro do WhatsApp pode gerar economia de energia?

O modo escuro ou ‘dark mode’ se tornou uma febre nos smartphones, sendo encontrado de forma nativa em aparelhos modernos que tenham tela OLED e sejam equipados com Android 10 ou iOS 13. Isso, porque além da baixa luminosidade tornar a leitura mais agradável, ele ajuda a economizar a bateria durante o uso prolongado da tela.

Porém, de acordo com o site WABetaInfo, que detecta os novos recursos do mensageiro, o modo escuro do WhatsApp pode não ser tão eficaz assim. O que acontece é que o aplicativo não utiliza uma cor muito escura de fundo, trabalhando com escalas de cinza para tornar o contraste com a letra branca um pouco mais sutil. Veja:

Entretanto, a cor não é tão econômica quanto o fundo preto, por exemplo. Nesse caso, fica a dúvida se o WhatsApp vai investir em uma opção parecida com a do Twitter, que dá ao usuário a possibilidade de escolher entre um tom um pouco mais claro ou totalmente escuro, para a tela do seu celular.

  • separator

Fonte: PORTAL TERRA – TECNOLOGIA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!