fbpx

Réver lamenta possível saída de Sampaoli para Olympique de Marselha

Desde a saída do à época treinador, André Villas-Boas, o nome de Jorge Sampaoli, atual comandante do Atlético-MG, é cotado para o Olympique de Marselha. Em meio à temporada europeia, o clube francês está somente na sétima posição do campeonato nacional e corre o risco de não ir às ligas europeias.

“Se realmente vier a se concretizar, a gente vai sentir muito a perda do Sampaoli. Ele foi uma pessoa que implantou uma filosofia, um estilo de jogo, que todo mundo do lado de fora cobra, mas ninguém quer pagar o preço. Aqui, ele fez isso. Então, se vier a se concretizar (a transferência para o futebol francês), a gente vai sentir bastante a ausência dele. Sabemos, também, que pode ser o melhor para ele. Todo mundo tem que se sentir feliz, onde quer que esteja”, disse o zagueiro Réver em coletiva de imprensa realizada nesta sexta-feira na Cidade do Galo.

Durante a última rodada do Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG perdeu as chances que tinha de conseguir o bicampeonato nacional. Após o deslize diante do Bahia, o Galo agora almeja a classificação direta para a fase de grupos da Libertadores de 2021. Para esta penúltima rodada, o time mineiro tem a chance de assegurar a vaga direta para a fase de grupos da Liberta.

O Atlético não depende somente de uma vitória na partida fora de casa contra o Sport, marcada para este domingo. Além de vencer, o Galo precisa de tropeços do São Paulo, que joga nesta sexta-feira contra o Palmeiras, e na segunda-feira, contra o Botafogo. Outro resultado favorável é a derrota do Fluminense contra o Santos no domingo.

“Se tornou um jogo muito importante para que nós possamos ter esse acesso direto à fase de grupos da Libertadores. Então, é um jogo que buscamos a vitória que é de muita importância para a gente”, comentou o defensor.


Gazeta Esportiva

  • separator

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais