Rildo deixa a Chapecoense para atuar no futebol sul-coreano

Rildo ficou apenas quatro meses na Chape (Foto: Reprodução)

Na última sexta, a Chapecoense anunciou a negociação do atacante Rildo com o futebol sul-coreano. No clube catarinense desde março, já com o campeonato estadual entrando na reta final, o atleta não despontou como o esperado, já que em quatro meses marcou apenas três gols e assinou com o Daegu.

Ainda assim, a Chape afirmou na nota oficial que tentou segurar o jogador, mas que não foi possível. Apesar dos poucos gols em poucos jogos – 10 partidas disputadas – o atleta tinha características importantes de drible e velocidade.

Maior problema da passagem de Rildo pelo clube catarinense foram as seguidas lesões que o tiraram de combate. Foram três em quatro meses, na coxa esquerda, na coxa direita e nas costas. Aos 30 anos e com uma boa proposta de fora, o clube não teria tanta oportunidade de negociá-lo por um bom preço no futuro.

Rildo já teve passagens por clubes como Santos, Corinthians, Vasco e Coritiba.


Gazeta Esportiva

  • separator

Fonte: TERRA

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: