fbpx

Saiba as 10 profissões com melhores salários em 2021; veja lista

O Banco Nacional de Empregos listou as 10 profissões que tem os melhores salários neste começo de 2021. Diretores e gerentes dominam a lista, mas os setores de atuação são bem variados. No topo, a área financeira segue como a mais pomissora no quesito remuneração de seus profissionais.

A lista com os melhores salários contém cargos de chefia, mais precisamente diretor de TI, diretor administrativo financeiro, diretor jurídico, diretor financeiro, plantonista médico, diretor de comércio eletrônico, diretor comercial, diretor hospitalar, diretor executivo e gerente de engenharia.

As ocupações listadas seguem a tendência do mercado de trabalho, analisa o CEO do BNE, Marcelo de Abreu. “A pandemia estimulou maiores contratações na área da saúde, e a transformação digital gerou mais contratações e valorização das vagas no setor de tecnologia”, explica.

As profissões com os melhores salários que mais se destacaram são em cargos estratégicos, principalmente chefias. “As empresas investiram em contratar lideranças especializadas que ajudassem na retomada das atividades e fossem peças importantes para a transformação digital”, comenta abreu.

Confira as 10 profissões e as médias salariais

  • Diretor Administrativo Financeiro – R$ 21.984,00
  • Diretor Executivo – R$ 20.251,61
  • Diretor de TI – R$ 20.103,24
  • Diretor Financeiro – R$ 19.839,56
  • Diretor Comercial – R$ 17.954,88
  • Diretor Jurídico – R$ 17.745,84
  • Diretor de Comércio Eletrônico – R$ 17.158,97
  • Gerente de Engenharia – R$ 15.924,56
  • Diretor hospitalar – R$ 15. 566,96
  • Plantonista médico – R$ 14.390,94

E para aqueles que buscam uma oportunidade no mercado de trabalho, confira algumas dicas para conquistar uma vaga com os melhores salários. Primeiro, o candidato interessado em obter vagas deve se atentar às tendências do setor e buscar qualificação para preencherem essas posições. “É importante que os candidatos prestem atenção nos setores que mais estão contratando e se aperfeiçoem em cursos para abrir um leque de possibilidades”, conta Marcelo.

Já o currículo deve ter informações atualizadas, objetividade e atenção aos erros. “É muito comum encontrar currículos desatualizados e com erros de ortografia. Os documentos devem ter informações objetivas e precisas, visto que os recrutadores não gastam muito tempo lendo currículos”, finaliza Abreu.

empregos

Fonte: Jc Concursos

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais