fbpx

‘Seria muito mais doloroso se a gente tivesse sido eliminado antes’, diz Gatito – Esportes

Eleito pela Conmebol como o melhor jogador da partida em que o Paraguai empatou por 0 a 0 com o Brasil, na noite desta quinta-feira, na Arena do Grêmio, mas depois foi eliminado na disputa por pênaltis, o goleiro Gatito Fernández exibiu certo conformismo ao comentar o confronto válido pelas quartas de final da Copa América.

“Seria muito mais doloroso se a gente tivesse sido eliminado depois da derrota para a Colômbia”, afirmou o jogador do Botafogo, em entrevista ao SporTV, na zona mista do estádio gremista, falando com o bom português de quem atua no futebol brasileiro desde 2014. No caso, ele se referiu ao fato de que os paraguaios foram às quartas de final mesmo após terem sido superados pelos colombianos na rodada derradeira da fase de grupos e só comemoraram a vaga no estágio seguinte no dia seguinte, graças ao empate por 1 a 1 entre Japão e Equador em outra chave da competição.

O atleta elogiou a boa atuação da seleção paraguaia, que conseguiu segurar o empate por 0 a 0 mesmo depois de ter o zagueiro Balbuena expulso no início do segundo tempo. “Hoje a gente fez um bom jogo, conseguimos levar para os pênaltis, e temos de levar em conta também a qualidade e a individualidade dos jogadores brasileiros. E desta vez eu não consegui pegar os pênaltis”, completou.

O jogador também lamentou o volume ofensivo muito pequeno da seleção paraguaia durante o duelo desta quinta-feira. “O gol do Brasil ficou longe de nós”, reconheceu o atleta, que ainda elegeu uma defesa que fez após uma finalização de Willian que depois pegou na trave como a sua melhor intervenção no duelo. “A do Willian eu me estiquei bastante para poder raspar a mão na bola”, destacou.

Fonte: R7

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!