fbpx

Triptofano: Para que serve, Como tomar e Melhor Marca

<h2>Triptofano: o que é? </h2>
<p><div class="media_box embed video_box full-dimensionsundefined" data-name="youtube">

<iframe title="ONDE ENCONTRAR TRIPTOFANO, O HORMÔNIO DO BOM HUMOR QUE PRODUZ SEROTONINA" width="1220" height="686" src="https://www.youtube.com/embed/spQUImwm708?feature=oembed" frameborder="0" allow="accelerometer; autoplay; encrypted-media; gyroscope; picture-in-picture" allowfullscreen></iframe>
</div>
</p>
<p>O triptofano é um aminoácido que atua na síntese de proteínas, ou seja, é como um tijolinho que . Trata-se de um nutriente essencial, ou seja, que é preciso ser consumido por meio da dieta ou suplementação. </p>
<p>Isto porque precisa desempenhar suas funções no organismo, mas não pode ser produzido pelo corpo. Então, assim como outros nutrientes como vitaminas, é importante ser ingerido diariamente. </p>
<p>O triptofano é bastante <a href="https://treinomestre.com.br/serotonina-o-que-e-sintomas-da-falta-dessa-substancia-e-como-estimular-sua-producao/" target="_blank">importante por ser precursor de serotonina</a>, ou seja, é o aminoácido que dá origem à este importante neurotransmissor. A serotonina é responsável pela sensação de bem-estar e felicidade. </p>
<p>Sendo assim, quando existe falta de triptofano no organismo, o risco para problemas psicológicos aumenta bastante. Depressão, ansiedade, bulimia, suicídio e agressividade são alguns dos sintomas que podem ocorrer pela quantidade baixa do aminoácido. </p>
<p>Cerca de 95% da serotonina do organismo é produzida no trato gastrointestinal. As células do sistema endócrino localizadas no intestino fabricam a serotonina, muito mais que os neurônios. Então, usa o triptofano que foi consumido e digerido para fabricá-la. </p>
<p>O restante do triptofano fica circulante no sangue, bem como no cérebro, para fabricar serotonina sempre que precisar. Portanto, já deu para perceber a importância do triptofano para a saúde e bem-estar. Afinal, você não quer que falte matéria-prima para sentir-se bem. </p>
<h2>Qual a melhor marca de Triptofano?</h2>
<p>Para quem deseja comprar o suplemento de triptofano pelo melhor custo benefício, a marca mais recomendada é da Growth Supplements. </p>
<p><strong>Clicando no banner abaixo você terá mais informações direto do site do fabricante:</strong></p>
<p></p>
<h2>Alimentos ricos em triptofano</h2>
<p><div class="media_box full-dimensions660x360">

<div class="edges">
<img class="croppable" src="https://img.r7.com/images/triptofano-fontes-alimentos-30062020133552304?dimensions=660×360" title="Triptofano fontes alimentos" alt="Triptofano fontes alimentos" />
<div class="gallery_link">
</div>

</div>
<div class="content_image">
<span class="legend_box ">Triptofano fontes alimentos</span>
<span class="credit_box ">Treino Mestre</span>
</div>
</div>

</p>
<p>Alimentos ricos em triptofano são principalmente carnes, peixes, queijos, além de grãos, cereais e sementes. Veja abaixo uma tabela de triptofano nos alimentos que mostra a quantidade encontrada em 100 gramas:</p>
Amendoim: 0,32 mg
Arroz: 90 mg
Aveia em grãos: 0,79 mg
Banana: 18 mg
Leite: entre 46 e 49 mg
Carne bovina: 0,29 mg
Gema de ovo : 0,20 mg
Clara de ovo: 0 29 mg
<p>Outras fontes nos alimentos:</p>
os peixes,
as nozes,
o levedo de cerveja,
leguminosas em geral,
ervilha,
linhaça,
arroz integral,
chocolate amargo,
tofu,
e semente de abóbora.
<p>A conversão de triptofano em serotonina depende da presença de vitaminas do complexo B, sendo necessário B6, B9 (ácido fólico) e B12. Em geral, os alimentos fonte de triptofano já contém vitaminas do complexo B também. </p>
<p>De qualquer forma, é bom ficar atento à estes nutrientes também para entender se não tem nenhum tipo de carência neste sentido.</p>
<p>Lembrando que a <a href="https://treinomestre.com.br/vitamina-b12-cobalamina-para-que-serve-beneficios-e-fontes-nos-alimentos/" target="_blank">falta de vitamina B12</a> não é uma condição exclusiva de vegetarianos, embora este público quase sempre tenha carência.  </p>
<p>Além disso, outro nutriente bem importante interfere no aproveitamento de triptofano para a produção de serotonina. </p>
<p>A presença de carboidratos favorece a passagem de triptofano pela barreira hematoencefálica, que protege o sistema nervoso central. </p>
<p>Isto porque já é difícil para o triptofano acessar o sistema nervoso, já que compete com vários aminoácidos para entrar por esta barreira. </p>
<p>Todos aminoácidos neutros como leucina, isoleucina e valina competem com o triptofano para atravessar esta barreira. </p>
<p>Sendo assim, o carboidrato estimula esta passagem. Então, vale dizer que é preciso tomar cuidado com dietas low carb quando o assunto é triptofano. </p>
<p>Isto porque a falta de carbos podem prejudicar a biodisponibilidade de triptofano no cérebro. </p>
<p>Portanto, tome cuidado com dietas muito restritivas, ou muito desbalanceadas, pobres no aminoácido triptofano e nas vitaminas do complexo B.  </p>
<p>Mesmo quem for consumir triptofano em suplementos, precisa ter atenção com os outros nutrientes que são necessários para a síntese de serotonina. </p>
<h2>Como consumir e dosagem</h2>
<p>Existe uma quantidade ideal de triptofano que deve ser consumida diariamente.</p>
<p>Para quem sofre com a depressão, 1 a 6 gramas por dia é o suficiente para ajudar no tratamento.</p>
<p>Para aqueles que perdem noites porque não sentem sono, a quantidade recomendada diária é de 800 mg a 1g por dia.</p>
<p>Para pessoas saudáveis a dose é de 10 mg por quilo de peso.</p>
<p>Por exemplo, uma pessoa que pesa 60 kg precisará de 600 mg de triptofano por dia.</p>
<h2>Funções no organismo</h2>
<p>A função do triptofano é ser a matéria-prima para a produção instantânea de serotonina. </p>
<p>Além do triptofano, algumas vitaminas citadas acima também são envolvidas no processo de síntese serotoninérgica. </p>
<p>A baixa qualidade alimentar caracterizada por excesso de carboidratos, ou restrição total de carboidratos, alto consumo de alimentos processados e falta de vitaminas pode ter maior relação com aumento do risco de desenvolvimento de depressão pela falta de triptofano. </p>
<p>Por este motivo, usa-se suplementos de triptofano para aumentar a produção natural de serotonina.</p>
<p>Além do L-triptofano, que é a forma livre do aminoácido, é comum a suplementação de 5-HTP. </p>
<p>O 5-hidroxitriptofano é mais efetivo como suplemento dietético com algumas vantagens sobre o L-triptofano. </p>
<p>A forma química do 5-HTP é ainda mais próxima da serotonina do que o triptofano livre, sendo um precursor direto. </p>
<p>A vantagem do 5-HTP sobre o triptofano é que este suplemento não precisa de transportador para ser absorvido no intestino. </p>
<p>Sendo assim, sua absorção não é afetada pela presença de outros aminoácidos, como acontece com o triptofano livre.</p>
<h2>Suplemento de triptofano: para que serve?</h2>
Tratamento de depressão e ansiedade
<p>O suplemento de triptofano serve para aumentar a produção de serotonina e corrigir a baixa serotoninérgica, ou seja, a falta de serotonina. </p>
<p>Com isto, pode ser<strong> usado para tratar depressão</strong>, ansiedade e outros quadros causados pela deficiência do neurotransmissor. </p>
<p>Contudo, é preciso ter acompanhamento de um profissional de saúde para ter certeza que o seu problema é referente à baixa de triptofano. </p>
<p>É possível que o corpo não consiga produzir por outras questões, então é essencial fazer a investigação.</p>
Controle do apetite
<p>Altos níveis de triptofano inibem a produção de glicose a partir de outros aminoácidos e proteínas do corpo. </p>
<p>Isto porque aumenta a glicemia e libera mais glicose para o cérebro. Isto causa diminuição do apetite.</p>
<p>Sendo assim, o uso do suplemento de triptofano pode ser indicado para aumentar os níveis do aminoácido no corpo e ajudar no controle do apetite. </p>
<p>É usado especialmente para <strong>combater a compulsão alimentar e a fome nervosa</strong>, que é quando comemos para aliviar ansiedades, frustrações, tristezas</p>
Tratamento de bulimia e anorexia nervosa
<p>Também pode ser usado no tratamento de bulimia e anorexia nervosa, bem como em outros transtornos alimentares. Assim como é usado para o tratamento da obesidade, quando há um comer emocional. </p>
<p>Contudo, vale dizer que não é que o triptofano emagrece. No entanto, pode ajudar no controle do apetite ajudando no processo de emagrecimento. </p>
<p>É útil especialmente para acompanhar dietas muito restritas, iremos falar disso logo abaixo.</p>
<p>O triptofano também é usado para ajudar no relaxamento e <strong>regularizar o sono</strong>, combatendo a insônia. Assim como pode ajudar <strong>em quadros de TPM</strong>. </p>
<p>O suplemento também é usado para <strong>aumentar o apetite sexual,</strong> <strong>melhorar a capacidade cognitiva</strong> e reduzir a sensibilidade à dor. </p>
<h2>4 Benefícios para saúde</h2>
<p>Os principais benefícios do triptofano são referentes à produção de serotonina e produção de bem-estar. </p>
<p>Veja resumidamente as vantagens que o suplemento pode trazer, auxiliando em diversos tratamentos.  </p>
<p>1- Melhora a qualidade do sono </p>
<p>O triptofano também é <a href="https://treinomestre.com.br/melatonina/" target="_blank">precursor da melatonina, hormônio do sono</a>. </p>
<p>Por isso, além de ajudar a relaxar e aliviar a ansiedade, ajudando no humor, o triptofano pode ajudar nos distúrbios do sono, como insônia e apneia, auxiliando a regularizar os ritmos circadianos. </p>
<p>2- Reduz o estresse e a ansiedade</p>
<p>A serotonina é importante para a redução do estresse, pois ativa a sensação de bem-estar e reduz os níveis de cortisol.</p>
<p> Assim, é importante para manter o estresse para bem longe. Também ajuda a diminuir os sintomas de ansiedade, principalmente se combinar com magnésio, complexo B e ômega 3. </p>
<p>3- Previne e auxilia no tratamento de Alzheimer</p>
<p>O tratamento com L-Triptofano demonstrou melhora da memória reativa em pacientes com depressão decorrente do Alzheimer. </p>
<p>4- Melhora consideravelmente os mecanismos anabólicos</p>
<p>Além das vantagens citadas acima, que estão diretamente relacionadas com os ganhos de massa muscular. </p>
<p>Como ele age diretamente no sono e na fadiga, <a href="https://treinomestre.com.br/gh/">regulariza a produção de GH (hormônio do crescimento)</a>, temos uma melhora da regeneração muscular com a ingestão de triptofano em doses ideais. </p>
<p>Além disso, por ser um aminoácido, ele melhora consideravelmente a síntese proteica, dando a ela, mais eficiência.</p>
<h2>Triptofano emagrece?</h2>
<p>Basicamente, o triptofano é um aminoácido. Sua função não está ligada a utilização acentuada das reservas lipídicas.</p>
<p>Portanto, de forma direta, não há uma grande relação entre a ingestão de triptofano e o emagrecimento. Porém, é muito importante entender alguns pontos.</p>
<p>Se temos uma melhora da síntese proteica, do sono e da redução da fadiga, seguindo uma dieta adequada e treinando, iremos sim emagrecer.</p>
<p>Portanto, o triptofano tem uma ligação indireta com o emagrecimento.</p>
<p>Mas para que seu efeito seja efetivo, é preciso que o contexto todo seja adequado.</p>
<p>O triptofano é muito importante em nossa dieta. Ele faz com que várias funções importantes de nosso organismo sejam otimizadas.</p>
<p>Isso é fundamental para nossa saúde e para a melhora do rendimento em seus treinos.</p>
<h2>Relação do triptofano com os exercícios físicos</h2>
<p>Uma pesquisa realizada com ratos tinha como objetivo mostrar os efeitos dos exercícios físicos sobre a produção do triptofano.</p>
<p>Foram utilizados 32 ratos machos com, aproximadamente, 30 dias de idade.</p>
<p>Os ratos foram divididos em 4 grupos que, entre eles, havia um grupo de sedentários e outro que praticava exercícios regularmente.</p>
<p>O que se conseguiu constatar com esse estudo foi que os ratos que faziam exercícios de forma regular conseguiram aumentar significativamente os níveis de triptofano no cérebro e no plasma em comparação ao grupo sedentário.</p>
<p>Desta maneira, além de ser um aminoácido que deve ser ingerido, a relação com sua utilização e o exercício físico é enorme!</p>
<h2>Efeitos colaterais</h2>
<p>A ingestão de L-triptofano é tida como agente causal da síndrome da eosinofilia-mialgia. Alguns doentes podem ter queixas respiratórias e alterações radiológicas. </p>
<p>O consumo de <a href="https://treinomestre.com.br/5-htp/">suplementos de 5-HTP</a> pode gerar como efeito adverso náuseas, vômito e diarreia, além de sonolência. </p>
<h2>Contraindicações</h2>
<p>O uso de triptofano é contraindicado para pacientes que já fazem uso de medicamentos que aumentam a serotonina como fluoxetina e sertralina. </p>
<p>A suplementação de triptofano deve ser feita de acordo com ajuda de um profissional. </p>
<p>Por fim, é importante entender que a função principal do triptofano é dar origem à serotonina. </p>
<p>Contudo, não é a única substância necessária para tal ação, sendo necessária as vitaminas do complexo B também. Por isso, é preciso de uma dieta equilibrada para melhorar os resultados com o aminoácido.</p>
<p>Outras perguntas frequentes</p>

<h3>Qual o melhor horário para tomar triptofano?</h3>
<p>
A maioria dos fabricantes de suplementos e profissionais da saúde que receitam, recomendam tomar 2 cápsulas antes do almoço e mais 2 cápsulas antes do lanche da tarde ou janta. Vale lembrar que irá depender da dosagem de cada cápsula e o tipo de tratamento para determinar quanto tomar. </p>

<h3>Quais os efeitos colaterais do triptofano?</h3>
<p>
Para o consumo em excesso, que só ocorre com o uso de suplementos, não há ainda o relato de toxicidade. Porém, que está fazendo uso de inibidores seletivos de serotonina pode vir a desenvolver a Síndrome Serotoninérgica caracterizada: por febre, diarreia, espasmos musculares, agitação, tremores, sudorese intensa, alterações mentais, ataxia e hiperreflexia. O que causa tudo isso é o aumento abrupto das taxas de serotonina circulando nas fendas sinápticas. </p>

<h3>Quem não pode tomar triptofano?</h3>
<p>
Como dissemos acima, o uso do triptofano não é recomendado para pacientes que já estão utilizando medicamentos e substâncias que já promovem o aumento da serotonina como, medicamento conhecidos: fluoxetina e sertralina. Gestantes ou que estão amamentando e também indivíduos que estão utilizando antidepressivos, devem consultar o médico antes de iniciar a suplementação com Triptofano ou 5-HTP </p>

<p>Referências:</p>
<p><a href="https://www.thieme-connect.com/products/ejournals/html/10.1055/s-0038-1674981" target="_blank"><u>Relação Entre Depressão, Qualidade Alimentar Dietética e Eixo Intestino-Cérebro</u></a><u><br></u><a href="https://idonline.emnuvens.com.br/id/article/view/1449" target="_blank"><u>TRIPTOFANO NO SONO: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA BASEADA NO MÉTODO PRISMA</u></a><u><br></u><a href="https://www.locus.ufv.br/handle/123456789/27019" target="_blank"><u>Efeitos do exercício aeróbico associado à suplementação com triptofano no controle da dor em ratas wistar com fibromialgia experimental</u></a><u><br></u><a href="https://idonline.emnuvens.com.br/id/article/view/1165" target="_blank"><u>L-TRIPTOFANO, ÔMEGA 3, MAGNÉSIO E VITAMINAS DO COMPLEXO B NA DIMINUIÇÃO DOS SINTOMAS DE ANSIEDADE</u></a><u><br></u><a href="http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/33656" target="_blank"><u>Estudo do L-triptofano na depressão ocorrida pela doença de Alzheimer em modelos experimentais</u></a><u><br></u><a href="https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&amp;pid=S1806-37132007000600021" target="_blank"><u>Insuficiência respiratória aguda como manifestação da síndrome de eosinofilia-mialgia associada à ingestão de L-triptofano*</u></a><br><a href="https://econtent.hogrefe.com/doi/abs/10.1024/0300-9831/a000608?journalCode=vit" target="_blank"><u>Dietary intake of tryptophan tied emotion-related impulsivity in humans</u></a></p>

Fonte: R7

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!