Vasco faz acordo e parcela dívida por compra de areia lavada

A juíza Paula Silva Ferreira, da 28ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ), homologou na última quinta-feira o acordo entre o Vasco e a empresa Irmãos Fernandes Comercio de Materiais de Construção Ltda. A ação refere-se a uma dívida do clube pela compra de 570m³ de areia lavada em janeiro de 2019.O Cruz-Maltino acertou o pagamento da dívida, que teve o valor atualizado para R$ 44.000,00, em cinco parcelas no valor de R$ 6.160,00, com início previsto para o dia 10 de março até o dia 10 de julho. Além disso, o clube terá que pagar um valor de entrada em R$ 9.200,00 à empresa, além de R$ 4.000,00 em honorários advocatícios aos credores.

Alexandre Campello é o atual mandatário do clube (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

Foto: Lance!

O acordo também prevê uma aplicação de multa moratória no valor de 20% do valor total caso ocorra um eventual atraso superior a 30 dias no pagamento das parcelas.

O LANCE antecipou no dia 14 de janeiro a dívida, quando a juíza substituta Fernanda Rosado de Souza, da 28° Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ), condenou o Vasco a pagar R$ 39,9 mil, mais 10% de honorários para a empresa pela dívida. De acordo com a sentença da época, o Vasco sequer contestou a cobrança.

*Estagiário, sob supervisão de Yuri Hernandes

Lance!

  • separator

Fonte: TERRA

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: