fbpx

Villeneuve: Corridas classificatórias transformam F1 em um jogo | Autoracing | F1 | Indy | MotoGP

segunda-feira, 7 de outubro de 2019 às 9:25

Jacques Villeneuve

O formato das corridas classificatórias da Fórmula 1 corre o risco de transformar a categoria em “um jogo”, de acordo com Jacques Villeneuve.

“É divertido, mas não é F1, não é uma corrida”, disse o campeão mundial de 1997 ao Championat da Rússia. “Vai transformar um esporte profissional em um jogo. Se eles querem, tudo bem, mas não haverá quase nada de esporte nisso”.

“Eu não acredito que mudanças deveriam ser feitas para tornar o espetáculo mais divertido na TV. As corridas deveriam continuar sendo um esporte. Há algumas fundações inabaláveis que não deveriam ser alteradas”.

Na verdade, Villeneuve não sabe ao certo por que a Liberty Media quer fazer uma mudança tão drástica.

“As corridas nunca foram tão boas”, acrescentou ele. “Todos lembram constantemente dos anos 50, 60, 70 e da era Senna e Prost, dizendo que aquela época foi incrível”.

“Mas Senna e Prost davam volta em todos, não havia ultrapassagens – era tão incrível? Ou o problema é que em nossa era nós precisamos de algo novo a cada cinco segundos? O que eu sei é que a F1 será destruída se seguir esse caminho”.

 

LS – www.autoracing.com.br

Tags
2020, autoracing, classificatorias, comentários, corridas, críticas, f1, formula 1, formula-1, jacques villeneuve, liberty media, melhor, noticias, proposta, site, temporada

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.

!function(f,b,e,v,n,t,s){if(f.fbq)return;n=f.fbq=function(){n.callMethod?
n.callMethod.apply(n,arguments):n.queue.push(arguments)};if(!f._fbq)f._fbq=n;
n.push=n;n.loaded=!0;n.version=’2.0′;n.queue=[];t=b.createElement(e);t.async=!0;
t.src=v;s=b.getElementsByTagName(e)[0];s.parentNode.insertBefore(t,s)}(window,
document,’script’,’https://connect.facebook.net/en_US/fbevents.js’);
fbq(‘init’, ‘1394990003897405’); // Insert your pixel ID here.
fbq(‘track’, ‘PageView’);
(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src = “http://connect.facebook.net/pt_BR/all.js#xfbml=1”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Fonte: R7

Jornais Virtuais