fbpx

Votação da PEC Emergencial pode ficar para a próxima semana, diz Pacheco

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), disse na noite desta terça-feira que a votação da PEC Emergencial poderá ficar para a próxima semana, mas ressalvou que isso não seria um problema.

11/02/2021 REUTERS/Adriano Machado

Foto: Reuters

“Não haverá prejuízo se eventualmente precisar passar para a terça-feira, não haverá tanto prejuízo assim, embora a gente tenha lutado muito, estamos lutando muito para poder viabilizar o auxílio emergencial o mais rapidamente no Brasil, é o meu esforço, mas nós não podemos ir além da conta o que é a sensibilidade do plenário”, afirmou.

Segundo Pacheco, a matéria continua na pauta do plenário da quinta, mas uma decisão sobre a votação vai depender da reunião de líderes que ocorrerá na manhã daquele dia.

O texto da PEC emergencial, que tem como relator o senador Marcio Bittar (MDB-AC), traz mecanismos que permitem o pagamento do auxílio emergencial, uma cláusula de calamidade, e ainda gatilhos para o chamado teto de gastos.

Pacheco quer o retorno do auxílio emergencial antes mesmo da aprovação da PEC emergencial pela Câmara dos Deputados, Casa para onde o texto vai seguir após passar pelo aval dos senadores.

Veja também:

Batida entre carro e moto é registrada na tarde desta terça-feira em Cascavel

Reuters
Reuters – Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

  • separator

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais