fbpx

XP Inc. lança instituto para levar educação financeira a 50 milhões de pessoas

Guilherme Benchimol, CEO da XP Inc. (Crédito: Thiago Bugallo)

SÃO PAULO – A XP Inc. anunciou, nesta quarta-feira (3), o lançamento do Instituto XP, iniciativa que tem o objetivo de levar educação financeira a 50 milhões de pessoas em dez anos. Com um orçamento de R$ 20 milhões para o primeiro ano, a proposta é disseminar conteúdos gratuitos voltados a pessoas com pouca instrução formal e indivíduos em situação de vulnerabilidade social.

Em parceria com a Xpeed, escola de negócios da XP, o instituto pretende transformar a realidade atual, em que sete em cada dez brasileiros são considerados “analfabetos financeiros”, dezenas de milhões estão “negativados”, ou seja, têm seu nome incluído em cadastros de inadimplentes, e pouquíssimos conseguem poupar.

“O lançamento do Instituto XP é parte do nosso compromisso com o futuro do Brasil”, afirma Guilherme Benchimol, CEO da XP Inc.

“Assumimos hoje o protagonismo de inspirar, capacitar e engajar a sociedade para que todos juntos – colaboradores, educadores, pais, lideranças públicas, organizações da sociedade civil, pesquisadores, empresas, empreendedores, clientes, voluntários – possamos amplificar o acesso à educação financeira para milhões de pessoas”.

Marta Pinheiro, diretora de ESG da XP Inc., lembra que as ações com foco em educação fazem parte da história da empresa desde a sua fundação, há 20 anos, quando Benchimol decidiu dar aulas sobre investimentos para os primeiros clientes.

“Os problemas estruturais na área de educação infelizmente não são uma novidade no Brasil”, diz a executiva. “Pensamos em maneiras de como colocar as nossas especialidades e diferenciais de empresa privada a serviço da sociedade”.

Ações na prática

O Instituto XP vai consolidar ações feitas ou apoiadas pela empresa nos últimos anos. É o caso, por exemplo, do programa Juntos Transformamos, que arrecadou e doou R$ 33,8 milhões no período da pandemia, impactando 1,3 milhão de pessoas.

Além disso, a entidade nasce com uma série de projetos planejados, como uma premiação para reconhecer pessoas que lidam com o tema da educação financeira. “Também queremos implantar projetos que promovam a inclusão, capacitando e dando ferramentas para a entrada no mercado de trabalho e incentivando o empreendedorismo”, afirma Marta.

Impacto na educação básica

A entidade vai se voltar à educação de base, com projetos de formação para professores das escolas públicas, que atendem 48 milhões de estudantes do ensino básico. A meta é alcançar 1 milhão de professores nos dois primeiros anos.

Para jovens em situação de vulnerabilidade social, a proposta é oferecer atendimento presencial em 70 polos educacionais, chegando a 100 mil beneficiados também em dois anos. Está prevista ainda a criação de um programa de voluntariado corporativo para colaboradores XP Inc. e agentes autônomos.

Inserido na área de ESG da XP Inc., o Instituto será liderado por Marcella Coelho, head de Impacto Social da empresa. Os projetos passarão inicialmente pelo crivo de um comitê composto por colaboradores da XP Inc. com 50% de participação de mulheres e representantes de diversas áreas e níveis hierárquicos, membros independentes externos e o próprio Benchimol.

Como declarar investimentos no IR?
Baixe de graça um ebook que explica como declarar seus investimentos (e quais são isentos) no Imposto de Renda:

Fonte: Infomoney

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais