fbpx

Yaras vencem e Tupis empatam na abertura do Pan

Brasil e Peru no feminino. Foto: José Romelo Langman

ARTIGO COM VÍDEO – Os Jogos Pan-Americanos começaram com resultados positivos para o Brasil no rugby sevens nesta sexta em Lima, no Peru.

No feminino, o Brasil conquistou a vitória na abertura, mantendo sua hegemonia na categoria. Triunfo por 33 sobre as anfitriãs peruanas. Mas o jogo não foi simples. Flores Cordero fez o primeiro try do jogo para o Peru e as Tumis pressionaram as Yaras na primeira etapa, até Rafa achar o espaço para o try que colocou o marcador em 7 x 5 para as brasileiras, com a conversão de diferença.

Na segunda etapa, a porta se abriu e o Brasil, como esperado, se impôs, com sua superioridade física. Mas a volta do intervalo foi preocupante, com Leila recebendo amarelo. Mesmo assim, com uma a menos, o Brasil chegou a seu try com corrida de Mari Nicolau. E logo na sequência Izzy foi decisiva apanhando o próprio chute rasteiro para cravar o terceiro e crucial try. Depois, Rafa, varando os tackles, e Raquel deram números finais com os dois últimos tries das Yaras.

No masculino a história era outra, pois Brasil e Chile era jogo já decisivo para ambos. O Brasil começou superior e os irmãos Sancery deram show com Felipe servindo com belo offload Daniel para o primeiro try dos Tupis. Os Cóndores, no entanto, responderam antes da pausa, com trabalho sólido de mãos até Fernández achar o espaço. 7 x 7.

– Continua depois da publicidade –

O Brasil começou de novo melhor o segundo tempo, com Tanque marcando o segundo try após receber offload de Stefano. Porém os chilenos controlaram a posse de bola nos minuto seguintes e conseguiram abrir a defesa brasileira na paciência, com Urroz achando o espaço. 14 x 14. No fim, os Tupis tiveram o controle da posse de bola, mas a defesa do Chile se garantiu e o duelo acabou em anticlimáticos 14 x 14, que colocam pressão sobre os dois times para o sábado na busca por vaga nas semifinais.

Tupis (Seleção Brasileira Masculina): André “Buda” Arruda (Desterro), Daniel Sancery (São José), Daniel “Maranhão” Lima (Poli), Felipe Sancery (São José), Josh Reeves (Utah Warriors, EUA), Laurent Bourda-Couhet (Band Saracens), Lorenzo Massari (Parabiago, Itália), Lucas “Tanque” Duque (São José), Lucas “Zé” Tranquez (Poli), Moisés Duque (São José), Robert Tenório (Poli), Stefano Giantorno (São José);

Yaras (Seleção Brasileira Feminina): Aline “Yu” Bednarski (SPAC), Aline Furtado (USP), Bianca dos Santos Silva (Leoas), Eshyllen “Esh” Coimbra (Guanabara), Isadora “Izzy” Cerullo (Niterói), Isadora Lopes (Melina), Leila Silva (Leoas), Mariana Nicolau (São José), Milena “Mille” Mariano (São José), Rafaela “Rafa” Zanellato (Curitiba), Raquel Kochhann (Charrua), Thalia “Mulan” Costa (Delta);

Horários de Brasília

Fonte: R7

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!